Buscar

Gestão em tempos de COVID19

15/05/2020

Por: Adm. Carlos A. Maschio / CRA/PR 9990

Delegado do Conselho Regional de Administração do Paraná

Carlos A. Maschio *

A Arte de pensar, de decidir e de agir; é a arte de fazer acontecer, de obter resultados. Estes, por sua vez, podem ser definidos, previstos, analisados e avaliados, mas que têm de ser alcançados através das pessoas e numa interação humana constante.


E com esta arte de pensar e julgar, que caracteriza a gerência, exige maior amplitude e lateralidade de pensamento. Por isso, é recomendado aos gerentes que adquiram mais conhecimentos ou mesmo formação avançada para estimular a sua mente e curiosidade, na busca de novos horizontes e perspectivas sobre a realidade em que estão inseridos.


Enfrentamos nos dias de hoje a nossa pior batalha, de um lado um vírus que destrói vidas humanas, e de outras empresas de pequeno e médio porte sendo destruídas por isolamento social. Infelizmente poucos destes pequenos e médios empresários se prepararam como gestores (gerenciadores), para seus negócios, e aqui observamos a importância das áreas de administração mesmo nos pequenos negócios, um bom planejamento, um marketing bem feito, uma área financeira bem realizada.


É fundamental em épocas de crise ter em mente tais fatores para sobrevivência empresarial, donde surgirá a pergunta: Mas como saber que isso iria acontecer? Verdade é impossível adivinhar, mas desde final de 2019 tínhamos relatos e notícias deste vírus. Mas também é fato que jamais se preocupamos como empresários em ter um plano para nossas empresas até porque geralmente são pequenas ou médias, e aí está o erro. Todos erramos, empresários, governanças políticas, consumidores. É uma corrente onde seus elos vão se interligando, e precisamos cada vez mais pensar e agir em conjunto e não em isolamento. O que chama atenção neste período pandêmico, é ausência de grupo e/ou comissão de gestores (sociedade civil organizada) nas cidades, os quais poderiam auxiliar os empresários afetados diretamente pela crise epidêmica, objetivando oxigenar novamente o comércio sufocado pela crise.


Outro ponto importante está intimamente ligado a falta de secretários especializados e afetos a pauta de indústria e comércio. Isso é ululante e generalizado pelo Brasil afora. Sempre são nomeadas pessoas de partidos políticos que colaboraram na campanha, sendo que os profissionais especializados, neste momento, poderiam fazer toda a diferença e promover medidas adequadas e tecnicamente efetivas para a resolução estratégica.


Temos um pais rico na agricultura onde um quarto da população mundial e abastecido pelos grãos colhidos pelo Brasil, temos um país rico, onde podemos nos erguer e mostrar a potência que somos perante o mundo.


Para atingirmos tal feito devemos começar pelos pequenos, dar o apoio a quem está começando e fazer com ele cresça. Muitas vezes vemos governantes preocupados em trazer grandes empresas, isso nem sempre e a solução, a maioria das cidades não tem infraestrutura necessária para isso (a empresa grande se move quando tem pequenas para auxiliar), caso contrário ela tem que se deslocar para outras cidades em busca de mão de obra e insumos.


É com a gestão que resolvemos isso, gerenciar o que temos em nossa empresa e em nossos municípios, e buscar alternativas que estejam dentro das possibilidades de nossos empresários, dar o auxílio e ajuda necessária.


Muito mais agora neste período em que as empresas sofrem, temos demissões em massa, e um futuro incerto, desta forma os órgãos de classe se unem e tentam amenizar o sofrimento dos empresários. O CRA/PR (Conselho Regional de Administração do Paraná) juntamente com o CFA (Conselho Federal de Administração), vem trazendo diversas atividades em conjunto para amenizar este tempo ruim, todos os dias no site do CFA tem entrevistas, bem como outras atividades que podem auxiliar o microempreendedor e o pequeno e médio empresário. O CRA/PR, vem trazendo em seus sites diversos artigos e cases onde podemos tirar exemplos para colocarmos em pratica em nossas empresas. Entre as novidades foi lançado “Campanha quer fortalecer negócios em tempo de crise”. Foi criado banco de dados a administradores formados que queiram em caráter voluntario prestar auxílio a estes empresários em período de pandemia.


Não vamos deixar que o COVID 19, consiga abalar e terminar com nossos empresários, algumas iniciativas já estão em andamento em nossa cidade por órgãos de impressa, que pedem que os moradores valorizem o comercio local, de outro lado o que se espera e que o empresário atenda o pedido da população e gerencie sua empresa, sem causar danos ao consumidor.


Que tenhamos consciência que algo invisível, o qual não temos controle, possa mudar a economia local e mundial, e que isso sirva de exemplo e possamos ter em cada cidade um comitê gestor para em tempos ou não de pandemia auxilie nossos empresários e os empresários do campo o nosso agricultor.



INFORMATIVO

Veja Também

19.06.png
Lôgo - Azul-min.png
Imagem3.jpg

 AMIGOS DA

 NOSSA CULTURA